Na sua reflexão, dia 23 de fevereiro, o Papa explicou e comentou escândalo na vida dos católicos: “O escândalo é dizer uma coisa e fazer outra; é ter vida dupla. Vida dupla em tudo: ‘eu sou muito católico, eu vou sempre à missa, eu pertenço a esta e aquela associação; mas a minha vida não é cristã. Não pago o que é justo aos meus funcionários, exploro as pessoas, faço jogo sujo nos negócios, reciclo dinheiro’. Vida dupla. Muitos católicos são assim. Eles escandalizam”.

Anúncios